terça-feira, 29 de junho de 2010

A Cultura do Agrião


A Cultura do Agrião
Agrião

De folhas verdes e pequenas, o agrião é muito nutritivo,tem boa demanda e custo baixo
O agrião saiu da região Sudeste da Ásia para o continente europeu há vários séculos. De lá, espalhou-se para o mundo, tornando-se figurinha fácil nos canteiros brasileiros.
De folhas pequenas e verde-escuras, a hortaliça é uma excelente opção para enriquecer saladas. Com baixo teor calórico, o agrião é também fonte de provitamina A (especialmente betacaroteno), possui grande quantidade de vitamina C, vitaminas do complexo B e sais minerais. O talo crocante tem ainda alto teor de iodo. Para completar, as folhas apresentam um sabor picante, mas suave, que estimula o apetite.
Propriedades medicinais não faltam ao agrião. A hortaliça faz bem para o fígado, é diurética e recomendada para diabéticos. Além disso, o agrião combate o ácido úrico, tuberculose, raquitismo, formação de pedra nos rins e efeitos tóxicos da nicotina. O suco de agrião fervido com leite é expectorante e, se misturado com mel, ajuda a aliviar a bronquite.
A hortaliça vai bem em locais com temperaturas que variam de 12 a 20 graus durante a noite. Nessas condições, chega a crescer naturalmente como planta selvagem. De outro lado, em regiões muito quentes, o florescimento pode ser induzido precocemente, o que prejudica seu crescimento e qualidade.
Mais popular por aqui são as variedades chamadas de "agrião de água", sobretudo aquelas que pertencem ao grupo de folhas largas. Os brasileiros também costumam consumir muito o agrião de terra seca, variedade algumas vezes preferida como broto.
Como é uma planta rústica e resistente, o agrião é fácil de cultivar. Porém, precisa de muita água limpa disponível. E, embora seja uma hortaliça que agrade bastante, é bom se assegurar sobre a existência de um mercado consumidor na vizinhança da plantação.
Raio X
Solo: argiloso, úmido e rico em matéria orgânica
Clima: ameno, com temperatura noturna entre 12 e 20 graus
Área: pode ser produzido até em caixotes com 25 cm de altura
Colheita: dois meses após o plantio
Custos: dez gramas de sementes a sete reais
Mãos à obra
A hortaliça se adapta muito bem em locais com temperaturas que variam de 12 a 20 graus durante a noite
Início - O plantio de agrião é feito por meio de sementes. Elas podem ser compradas em diversos locais como supermercados, cooperativas e lojas de produtos agropecuários. Para começar o cultivo, coloque as sementes em covas pequenas, abertas no local definitivo.
Espaçamento - As medidas indicadas para o cultivo do agrião são de 20 centímetros entre plantas e 25 entre linhas. Caixotes com 25 centímetros de altura podem ser utilizados como uma alternativa para áreas pequenas. Porém, a profundidade das covas deve ser sempre de um centímetro.
Terreno - Os mais adequados para o plantio de agrião são os que têm como característica umidade e argiloso, com muita matéria orgânica e pH entre 6 e 6,8. Avalie o teor de acidez por meio da análise do solo.
Cuidados - A irrigação deve ser feita diariamente. Se necessário, mais de uma vez por dia. Evite concorrência por água e nutrientes com a eliminação de ervas daninhas no local. Assim que as plantinhas apresentarem ramas de cinco centímetros, é hora de realizar o raleamento. Em cada cova, é bom deixar de três a quatro plantas.
Colheita - Após cerca de dois meses do plantio, o agrião já pode ser colhido. Antes, verifique se as folhas estão desenvolvidas e tenras. É possível fazer de três a quatro cortes, com intervalos de um mês.
Hidroponia - Algumas propriedades utilizam o sistema de hidroponia. O plantio é feito em solução nutritiva, mas tem custo alto. Um maço chega a oscilar entre 35 e 40 centavos, valor que cai pela metade quando a hortaliça é originada de cultivo em campo aberto. Um pacote de dez gramas de sementes de agrião custa, em média, sete reais.

Receitas com Alecrim

Receitas com Alecrim

Contrafilé grelhado com alecrim

Ingredientes:
4 bifes grandes de contrafilé limpos (cerca de 1,5 kg no total)
8 fatias finas de bacon
4 ramos médios de alecrim
2 colheres (sopa) de óleo
sal e pimenta-do-reino moída grosseiramente a gosto
Modo de Preparo:
Aqueça uma chapa de ferro própria para grelhar. Enquanto isso, lave os contrafilés, retire as aparas e seque-os. Envolva a parte lateral de cada contrafilé com 2 fatias de bacon e prenda-as com ramos de alecrim. Pincele toda a superfície da carne com o óleo. Disponha os bifes na chapa e deixe grelhar dos dois lados até dourar. Depois que começar a grelhar polvilhe o sal e retire do fogo. Distribua os bifes nos pratos e salpique a pimenta. Sirva com salteado de pimentão com ervas de provence.
Dicas:
Salteado de pimentão com ervas de provence:
Lave 3 pimentões médios (1 vermelho, 1 verde e 1 amarelo), retire os pedúnculos, abra-os e retire as sementes e os filamentos brancos. Pique-os em tiras no sentido do comprimento e refogue numa frigideira com 2 colheres (sopa) de azeite de oliva por 1 minuto. Salteie de vez em quando, por 5 minutos, ou até os pimentões ficarem al dente. Polvilhe sal a gosto e 1 colher (sopa) de ervas de Provence desidratadas. Misture bem e sirva.
Fonte: Revista Água na Boca
Categoria:
Carnes
Cozinha:
Brasileira
Temperatura:
Quente
Dificuldade:
Fácil
Tempo de preparo:
25 min
Rendimento:
4 porções
Espuma de abacaxi com crocante de amêndoas e alecrim
Ingredientes:
2 abacaxis maduros
3 folhas de gelatina incolor
300 g de açúcar
150 g de amêndoas fatiadas
3 ramos de alecrim
Modo de Preparo:
Descasque o abacaxi, bata no liquidificador e coe o suco numa peneira fina. Numa tigela, coloque as folhas de gelatina de molho em água por 5 minutos. A seguir, esprema-as para retirar o excesso de água e dissolva-as no suco de abacaxi levemente aquecido. Adicione 1/3 do açúcar. Encha um sifão (garrafa própria para chantilly) com o suco de abacaxi, carregue-o com gás e deixe na geladeira por 1 hora. Numa panela, faça um caramelo com o restante do açúcar, acrescente as amêndoas e o alecrim. Despeje o caramelo em uma fôrma polvilhada com açúcar para resfriar, quebre o crocante em pedaços pequenos e reserve. Agite bem o sifão e encha 4 taças, de preferência previamente geladas. Salpique o crocante e decore com coulis de morango (fruta batida com um pouco de açúcar).
Fonte: Revista Menu
Categoria:
Sobremesas: Doces
Cozinha:
Brasileira
Temperatura:
Frio
Dificuldade:
Fácil
Rendimento:
4 porções
Farofa com azeitonas e alecrim
Ingredientes:
3 colheres (sopa) de azeite de oliva
1 dente de alho pequeno picado
¼ xícara (chá) de azeitonas sem caroço fatiadas
1 colher (chá) de alecrim fresco picado
2 xícaras (chá) de farinha de mandioca crua
sal
Modo de Preparo:
Coloque o azeite em uma panela e leve ao fogo. Aqueça bem e adicione o alho picado e o alecrim. Quando o alho começar a dourar adicione a farinha de mandioca e cozinhe misturando até que ela fique bem dourada. Retire do fogo e adicione as azeitonas. Tempere com as e misture bem. Decore com folhas de alecrim fresco.
Categoria:
Acompanhamentos
Esta receita:
é vegetariana
Cozinha:
Brasileira
Temperatura:
Quente
Dificuldade:
Fácil
Frango ao forno com alecrim, sal grosso e alho
Ingredientes:
8 coxas e sobrecoxas pequenas com pele
32 dentes de alho com a casca
1 galho de alecrim
sal grosso e sal refinado a gosto
1 xícara (chá) de óleo de milho
1 maço de brócolis
azeite de oliva
Modo de Preparo:
Tempere o frango levemente com sal refinado. Doure bem o lado da pele no óleo, transfira-o para uma assadeira, com a pele para cima e com o óleo. Junte o alho, coloque o sal grosso e as folhas de alecrim sobre a pele do frango. Leve ao forno por cerca de 20 minutos, ou até que fique bem cozido. Cozinhe o brócolis em água e sal por mais ou menos 10 minutos. Escorra e refogue levemente no azeite. Sirva com o frango.
Dicas:
Este delicioso prato tem um sabor marcante e fica melhor ainda acompanhado de um bom vinho tinto. O brócolis pode ser substituído por outro legume de sua preferência ou até mesmo por arroz branco.
Fonte: Revista Água na Boca
Categoria:
Aves
Temperatura:
Quente
Dificuldade:
Fácil
Rendimento:
4 porções
Javali ao molho de alecrim com polenta bramata
Javali ao molho de alecrim com polenta bramata
Ingredientes:
1 pedaço de javali jovem
pimenta-do-reino
alecrim
vinho branco
azeite de oliva
sal
polenta
queijo mussarela de búfala
cebola
tomate
Modo de Preparo:
Deixe o javali marinar por 12 h. Seque com papel absorvente e pincele com azeite de oliva. Asse em forno baixo até que amacie, molhando de vez em quando com os sucos do assado. Corte o javali em porções individuais. Sirva com polenta recheada de mussarela de búfala, pequenas cebolas e tomates assados no forno com azeite de oliva, alecrim e com o molho que se formou na assadeira.
Categoria:
Carnes
Cozinha:
Italiana
Temperatura:
Quente
Dificuldade:
Fácil
Salada de batata ao molho de alecrim
Ingredientes:
1 kg de batatas
2 potes de iogurte natural
2 dentes de alho amassados
2 colheres (sopa) de alecrim fresco
sal a gosto
Modo de Preparo:
Lave as batatas e coloque-as na panela de pressão. Cubra-as com água, tampe a panela e leve ao fogo. Assim que começar a ferver, cozinhe por mais 5 minutos, ou até ficarem macias. Resfrie a panela sob água corrente e retire a pressão. Escorra as batatas e deixe esfriar. Enquanto isso, prepare o molho. Em uma tigela, coloque o iogurte, o alho, o alecrim e o sal. Misture até ficar homogêneo e reserve. Descasque as batatas, corte-as em rodelas e tempere-as com sal. Disponha-as em uma travessa e despeje parte do molho por cima. Sirva o molho restante à parte.
Dicas:
O alecrim dá um aroma delicioso aos pratos. Pode ser usado para temperar carnes em geral, mas combina especialmente com frango e cordeiro. Pode ser usado também para temperar peixes
Fonte: Revista Água na Boca
Categoria:
Saladas
Cozinha:
Brasileira
Temperatura:
Frio
Dificuldade:
Fácil
Tempo de preparo:
15 min
Rendimento:
6 porções

Receitas com Agrião

Agrião com espaguete

2h 10min
6 porções
  • Ingredientes
  • 500 g de macarrão espaguete cozido al dente
  • Sal, pimenta do reino a gosto
  • 1 maço de agrião aferventado e bem escorrido
  • 3 colheres sopa de azeite
  • 1 cebola ralada
  • 1/2 xícara chá de azeitonas picadas
  • 1 lata de sardinha
  • Modo de Preparo
  1. Coloque o azeite na panela e frite a cebola por 3 minutos
  2. A seguir coloque a sardinha, azeitonas, agrião, sal, pimenta e deixe refogar por 5 minutos, mexendo de vez em quando
  3. Coloque o macarrão em um refratário e sobre ele, coloque o refogado de agrião
  4. Sirva a seguir, se quiser pode polvilhar queijo ralado

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Receita de Brusqueta de Agrião

Categoria: Receitas de Entradas

Ingredientes

Categoria da Receita:
Entradas
Dificuldade de Preparo da Receita:
fácil
Temperatura da Receita:
quente
Rendimento da Receita:
8 porções
Tempo de preparo da Receita:
10 min + 10 min de forno
  • • 100 g de bacon em fatias
  • • 1 maço de agrião
  • • 2 colheres (sopa) de azeite de oliva
  • • 1 pão italiano em fatias transversais de 3cm
  • • 2 dentes de alho
  • • 1 lata de salsaretti manjericão

Preparo da Receita

Frite o bacon em fogo baixo para que libere a gordura, formando tirinhas crocantes; reserve-as em local aquecido. Aproveite a gordura do bacon para aquecer o Salsaretti Manjericão, deixando ferver por alguns minutos. Descasque e corte os dentes de alho ao meio e esfregue as metades por toda a superfície do pão, para dar o aroma do alho. Regue as fatias com a metade do azeite e leve ao forno médio (180ºC) por 5 a 10 minutos, deixando dourar ligeiramente. Monte as brusquetas, dispondo em cada fatia de pão 2 a 3 colheres (sopa) de molho, 1 a 2 tirinhas de bacon crocante e folhinhas de agrião. Regue com o restante do azeite e sirva em seguida, ainda quente.

Dica para esta receita

Use pão amanhecido para dar mais estrutura às brusquetas. Se quiser um sabor mais picante, acrescente 2 filés de anchova ao Molho de Tomate Salsaretti Manjericão.

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Receita de Musse de Agrião

Categoria: Receitas de Entradas

Ingredientes

Categoria da Receita:
Entradas
Cozinha da Receita:
Francesa
Dificuldade de Preparo da Receita:
fácil
Temperatura da Receita:
frio
  • • 1 maço de agrião
  • • pimenta a gosto
  • • sal a gosto
  • • noz-moscada a gosto
  • • 2 tomates sem pele e sem sementes
  • • 2 colheres (sopa) de queijo gruyére ralado
  • • salsinha picada
  • • 3 claras de ovo
  • • 1 xícara (chá) de creme de leite
  • • 1 envelope de gelatina branca sem sabor
  • • 100 g de ricota fresca

Preparo da Receita

Umedecer a gelatina com 5 colheres (sopa) de água fria. Lavar o agrião e levar ao fogo com água. Assim que levantar fervura, escorrer, separando 1/2 copo da água para dissolver a gelatina. Passar o agrião no liquidificador com os tomates, a salsinha, a cebola, o sal, a pimenta, a noz-moscada, a ricota, o creme de leite e o queijo. Retirar do liquidifcador e acrescentar a gelatina dissolvida. Bater as claras em neve firme e juntar ao agrião, misturando bem. Colocar na geladeira por 6 horas. Servir enfeitada com legumes cozidos e presunto em cubinhos.

Plantas Que Curam: Agrião


Plantas Que Curam: Agrião

Agrião aumenta a quantidade de antioxidantes benéficos Consumir agrião regularmente pode ajudar a diminuir as chances de desenvolver câncer, segundo uma pesquisa realizada na Irlanda do Norte. O trabalho da Universidade de Ulster sugere que o agrião reduz o dano ao DNA de glóbulos brancos - considerados como um importante fator que pode desencadear o desenvolvimento do câncer. O agrião parece aumentar os níveis de compostos benéficos no sangue e cortar os níveis dos compostos danosos.

A pesquisa foi encomendada por uma organização chamada Watercress Alliance (Aliança do Agrião) e publicada na revista American Journal of Clinical Nutrition. Outros cientistas checam as pesquisas antes da publicação na revista.

Voluntários

Durante o estudo, 60 voluntários saudáveis, incluindo 30 fumantes, consumiram 85 gramas de agrião fresco todos os dias por oito semanas.

Os pesquisadores fizeram exames antes e depois desta mudança na dieta.

Eles descobriram que o dano ao DNA de glóbulos brancos teve uma diminuição de 22,9%.

Estas células também foram capazes de se proteger melhor dos efeitos dos chamados radicais livres.

Quando amostras de células foram expostas a peróxido de hidrogênio, que gera grandes números de radicais livres, os níveis de danos foram 9,4% menores do que o esperado.

Os níveis de compostos antioxidantes no sangue, como beta-caroteno e luteína, que podem combater os efeitos dos radicais livres, aumentaram.

Por outro lado, os níveis de triglicérides, ou gorduras existentes no sangue e potencialmente prejudiciais, apresentaram um corte de 10%.

Fumantes

As mudanças benéficas foram maiores entre os fumantes - que tinham níveis de compostos antioxidantes significativamente mais baixos no início do estudo.

Pesquisas anteriores sugeriram que aumentar o consumo de vegetais crucíferos como o agrião está ligado à redução do risco de vários tipos de câncer.

Mas o chefe da pesquisa, professor Ian Rowland, que atualmente está na Universidade de Reading, afirmou que a última pesquisa envolveu pessoas consumindo agrião em uma quantidade mais factível, ao invés de testes em laboratórios com o extrato do vegetal, como nos estudos anteriores.

"O dano ao DNA de células do sangue é um indicador do risco de câncer no corpo todo e os resultados dão a base para a teoria de que o consumo de agrião está ligado a uma redução total de risco de câncer em vários locais do corpo", afirmou.

A médica Anthea Martin, da organização de caridade britânica Cancer Research UK, disse que são necessários mais estudos para determinar se os efeitos do agrião nas células vistos pelos pesquisadores se traduzem em uma redução dos riscos de desenvolvimento de câncer.